Cidade e Região

Notícias de interesse geral de Uberlândia e região.

15/05/2012 19:23

Acidente envolvendo uma carreta congestiona trânsito na BR-365

Carreta ficou presa em canterio ao tentar contornar o trevo

O trânsito na BR-365, em um dos trevos que dá acesso aos bairros Taiaman e Luizote de Freitas, perímetro urbano de Uberlândia, ficou congestionado devido a um acidente envolvendo uma carreta carregada com um moinho usado em usinas de cimento.

Segundo informações da Polícia Militar, o veículo trafegava no sentido bairro/centro e ao tentar contornar o trevo, ficou preso no canteiro, que é estreito.

Após o acidente, dois caminhões tentaram retirar a carreta do canteiro, através de cabos que também estavam presos no moinho. Porém, o cabo rompeu e acertou a perna de um homem que obervava a situação.

O homem foi socorrido e encaminhado a Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do bairro Roosevelt, mas de acordo com o Corpo de Bombeiros, ele teve ferimentos leves e passa bem.

Assista ao vídeo que mostra a carreta presa no canteiro:

Get the Flash Player to see the wordTube Media Player.

Comentários (7)

Ao enviar suas informações de registro, você indica que concorda com os Termos do serviço e leu e entendeu a Política de Privacidade do site do Correio de Uberlândia. Só serão liberados comentários cujos autores estejam identificados por nome e sobrenomes e que não contenham expressões chulas e/ou palavras de baixo calão.

 

  1. Tinoco disse:15/05/12 19:51

    Tomou uma lambada na perna pra ficar esperto e largar de ser curioso

    Responder
  2. crítico disse:15/05/12 20:51

    NÃO SEI QUEM É MAIS BURRO, O “MOTORISTA” OU O MANÉ QUE OBSERVAVA KKK

    Responder
  3. Marcos disse:15/05/12 22:33

    Que burro, dá zero pra ele!

    Responder
  4. Coveiro disse:15/05/12 22:34

    Que trapalhada, literalmente…

    Responder
  5. manno disse:16/05/12 1:54

    Um curioso se deu mal então…

    Responder
  6. udi disse:16/05/12 9:15

    ….Após o acidente, dois caminhões tentaram retirar a carreta do canteiro, através de cabos que também estavam presos no moinho. “Porém, o cabo rompeu e acertou a perna de um homem que obervava a situação”…

    curioso, se vc estivesse em sua casa, nada disso teria acontecido…

    Responder
  7. victor disse:16/05/12 14:39

    Melhor ficar perto de quem ta cagando do q ficar perto de quem ta trabalhando!

    Responder