Assine o CORREIO
menu
publicidade
publicidade

Cidade e Região

Ambev vai construir fábrica de cerveja de R$ 550 mi em Uberlândia

Anastasia anunciará hoje em Uberlândia a instalação da unidade de fabricação de cerveja da Ambev

O governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia, vai anunciar hoje a instalação de uma fábrica de cerveja da Ambev em Uberlândia. Serão produzidas cervejas das marcas Skol, Brahma, Antarctica, Bohemia entre outras que a Ambev detém. O investimento da empresa na cidade é calculado em aproximadamente R$ 550 milhões. De acordo com o protocolo de intenções que será assinado hoje pelo governador mineiro e por diretores da Ambev, a unidade vai gerar 200 empregos diretos e 100 indiretos, totalizando 300 postos de trabalho.

As obras vão começar ainda neste ano e o início da produção está previsto para ocorrer em janeiro de 2014. A conclusão do empreendimento será em 2018. Inicialmente, haverá a produção somente de cerveja, mas há a perspectiva de a unidade também fabricar refrigerantes da empresa.

A capacidade instalada da unidade uberlandense da Ambev será de 800 milhões de litros, por ano, quando a fábrica atingir o ápice da produção em 2018. Com uma média mensal de 66 milhões de litros, a fábrica teria condições de envasilhar 110 milhões de garrafas de cerveja por mês.

A planta industrial será instalada em uma área a cerca de 25 km da região central uberlandense, nas imediações da BR-452, ao lado da antiga fábrica da Coalbra. A área tem aproximadamente 150 hectares. A Ambev já opera em Uberlândia desde 2010, quando inaugurou um centro de distribuição direta no Anel Rodoviário Airton Senna, no bairro Luizote de Freitas, zona oeste.

O município de Uberlândia e o governo mineiro negociam há cerca de um ano e meio com a direção da Ambev para atrair a fábrica de cerveja da empresa para a cidade. Havia a concorrência de outras cidades de Minas, de São Paulo e do Paraná.

Água será retirada do rio Araguari

A Ambev vai retirar a água para a produção de cerveja, na fábrica que será construída em Uberlândia, diretamente do leito do rio Araguari, na altura da represa de Miranda. Haverá um sistema de bombeamento com dutos instalados pela empresa.

Segundo uma informação apurada pela reportagem do CORREIO de Uberlândia, a quantidade de água que será utilizada pela empresa, quando a obra estiver concluída e a produção for iniciada, corresponderá ao consumo de uma população de 200 mil habitantes, ou praticamente um terço do número de habitantes de Uberlândia atualmente – que é de 619.536 habitantes.

Serão cedidos 500 litros de água por segundo para a empresa. O município de Uberlândia possui outorga de 6 mil litros por segundo e haverá a cessão de aproximadamente 8% da outorga da Prefeitura de Uberlândia para a Ambev investir na cidade.

Fábrica de adubos inicia operação

Durante a vinda do governador de Minas, Antonio Anastasia, a Uberlândia, também será oficializado o início das operações de uma fábrica de fertilizantes na cidade. A empresa começará sua produção hoje. A indústria, pertencente à empresa de biotecnologia Geociclo, terá capacidade de produção inicial de 25 mil toneladas de adubo por ano, valor que será quadruplicado até 2014 – quando a indústria espera faturar R$ 80 milhões – e foi responsável pela geração de 52 novos empregos neste primeiro momento, podendo chegar a 72 quando a expansão da unidade for concluída em 2014.

Para viabilizar os trabalhos, a Geociclo investiu cerca de R$ 48 milhões, valor correspondente à soma dos custos com a construção da fábrica, localizada na BR-365, a 28 km do perímetro urbano de Uberlândia, e com a pesquisa para a elaboração do fertilizante a ser produzido, que mistura matéria orgânica e mineral.

Segundo o presidente da Geociclo, Ernane Judice, o fertilizante produzido pela nova fábrica vai utilizar resíduos orgânicos provenientes do agronegócio da região.

Governador participa de evento

A empresa Geociclo, responsável pela abertura da fábrica de fertilizantes na BR-365, a 28 km de Uberlândia, vai assinar um protocolo de intenção de investimento com o governo de Minas Gerais. A solenidade será realizada nesta manhã na Prefeitura de Uberlândia e contará com a presença do governador de Minas Gerais, Antonio Anastasia, do prefeito Odelmo Leão, do senador Aécio Neves, da secretária do Desenvolvimento de Estado de Minas Gerais, Dorothea Werneck, e do presidente do Instituto de Desenvolvimento Integrado de Minas Gerais (Indi), José Frederico Álvares.

Segundo o presidente da Geociclo, Ernane Judice, o evento é um ato simbólico, já que boa parte dos investimentos para a viabilização da fábrica em Uberlândia já foram realizadas.

Comentários

66 respostas para “Ambev vai construir fábrica de cerveja de R$ 550 mi em Uberlândia”

  1. REPORTERES DE UDI, POR FAVOR PARA DE PUCHA O SACO DESTES POLITICOS DE MINAS E FAZ A SEGUINTE PERGUNTA? PORQUE O GOVERNO DE MINAS É CONTRA A REDUÇÃO DE ENERGIA? QUE FOI ANUCIADO PELO GOVERNO FEDERAL.

  2. o Que Aecio fez ??
    Uma das principais ações da atual administração municipal que fez com que Uberlândia voltasse a ocupar o terceiro lugar na declaração do VAF e consequentemente no repasse do ICMS do Estado, foi o empenho do prefeito junto ao Governador Aécio Neves para conseguir o retorno do ICMS da Souza Cruz para Uberlândia. Com o decreto assinado por Aécio Neves, mudou a forma de apuração e distribuição da parcela de receita proveniente da arrecadação do ICMS pertencentes ao Município. O valor integral gerado pela empresa passou a ser computado no cálculo do VAF de Uberlândia, diferentemente do que ocorria antes.

    No final de 2008, o Município de Contagem foi à Justiça para tentar reaver parte da verba destinada a Uberlândia, mas o Prefeito Odelmo Leão reagiu e foi à luta para manter a recuperação do ICMS da Souza Cruz. Na última semana, a Primeira Vara de Feitos Tributários de Minas Gerais decidiu que o decreto do Governo de Minas, adequando para Uberlândia o VAF da Souza Cruz permanece. A Primeira Vara recusou o Mandado de Segurança impetrado pelo município de Contagem contra a Secretaria de Estado da Fazenda de Minas Gerais, relativo ao VAF da Souza Cruz. O parecer do Ministério Público Estadual também foi contrário ao Mandado de Segurança. Os dois órgãos entenderam que não havia o direito líquido e certo de Contagem. A ação de defesa foi feita pela Secretaria de Estado da Fazenda de Minas Gerais e pela Prefeitura de Uberlândia.

    O prefeito Odelmo Leão explica que, por critérios políticos, o cálculo do VAF no passado teria prejudicado Uberlândia: “A Constituição Federal é clara e determina que cabe ao Estado fazer a regência do ICMS. A fábrica é aqui, as questões sociais dos trabalhadores são aqui, a escola que temos de oferecer aos filhos estão aqui, assim como a saúde e a segurança públicas. Estamos lutando pelo que é nosso. Iremos até as últimas conseqüências, inclusive estamos pensando em entrar com uma ação, pedindo toda a reversão do ICMS indevido que foi repassado ao município de Contagem durante mais de 15 anos”, afirma.

    Sobre a decisão da justiça, o prefeito diz que foi feito o que é justo e significa que a determinação do Governo de Minas Gerais, via Secretaria de Fazenda, do ano de 2006, está em pleno vigor e o município de Uberlândia não corre o risco, até o presente momento, de ter retirado dos cofres públicos a parcela do VAF da Souza Cruz. “Este valor, dentro da apuração do VAF, vai ficar em Uberlândia”, disse.

  3. Somente agora, a AMBEV chega a Roçalândia…

    Ela já possuiu fábricas em Sete Lagoas, a maior da América Latina, em Juatuba e em Contagem, na Região Metropolina de Belo Horizonte.

  4. Que inveja você tem de Uberlândia! Só porque não somos subservientes a vocês da “Capital”? Se pudesse escolher, eu não queria uma fábrica desta não, para quê? Consumir água equivalente a uma cidade de 200 mil habitantes? Obrigado, mas não. Mande para BH.
    Aqui colega, Anastasia e Aécio não têm moral não. Perderam para Governador e Senador nas últimas eleições. Os “coronéis” de plantão aqui no momento é que são “colegas” dos dois. A população aqui não se engana não.

    Ps.: Não sou Petista.

  5. Por falar em Roçalândia, qual estado não queria uma. Tem fabricas, tem prefeito atuante, o governador reconhece a cidade. Acho que estão sentando no rabo, ou melhor na estrela. Estão usando a tática da desvalorização das atitudes de quem está fazendo.

  6. KKKKKKK

    Cara…eu qria saber oq alguem de Uberlandia fez pra vc ter tanta raiva daqui.

    Uberlandia, Londrina, Ribeirao Preto, todas sao cidade magnificas do nosso interior Brasileiro, mas todas tem essa cultura de interior q vc nao gosta.

  7. ESTE Q VC SE REFERE FOI O MELHOR PRESIDENTE DE TODOS OS TEMPOS, E NUMCA NINGUÉM VIU ELE EMBRIAGADO E NEM DIRIGINDO INREGULAR. VC DEVE DE SER OS Q APOIA OS EMBRIAGADOS NO TRÂNSITO.

  8. CARO FUNCIONÁRIO DO PSDB, ESTE TESTO VC SALVO ELE COLO AQUI. O AECIO NÃO FEZ NADA NESTE SENTIDO FOI A JUSTIÇA, O PROCESSO ESTAVA DESDE A ÉPOCA DO ZAIRE OU FEROLLA NÃO RECORDO BEM. ACORDA.

  9. DO INSS DEVIDO AO CORTE DE UM DOS MEMBROS, SEGURADO POR LEI DA ÉPOCA, NÃO SÓ ELE COMO MILHARES DE BRASILEIROS. SE VC ACHA FACIL SER UM PRESIDENTE DE SINDICATO ATUANTE E RESPEITADO TENTA CANDIDATAR EM SUA CATEGORIA PROFISSIONAL. MUITOS FICA NA RETAGUARDA ESPERANDO A VITORIA FIM. LULA O MELHOR PRESIDENTE DE TODOS OS TEMPO. aecio fhc lix…..dos lix……….OS NÚMEROS NÃO MENTE. HÁ MEU NOME É VERDADEIRO NÃO SÓ COVARDE.

  10. CARO LEITOR, VC DEVE DE ESTAR MUITO ENGANADO UMA EMPRESA OLHA PRIMEIRO A CONJUTURA ECONÔMICA DO BRASIL,MUNDO…DEPOIS OLHA O ESTADO E POR ULTIMO A CIDADE. QUE INFRA O odelmo fez? AS RODOVIAS DUPLICADAS? AS RUAS DA CIDADE RECAMPIADA? A REPRESA DE MIRANDA FOI ELE QUE FEZ? ACORDA.

  11. U qui qui tem si Roçaete Lagoas, Roçontagem i Roçajuatuba já tem fábica di cerveja ? Daqui pra frenti nóis vai tê tamém, sô ! Nóis já tem fábica di guaraná, i daqui uns tempo, vai tê di cerveja pras festa ficá cum fartura. Si bem qui divia vim pra nóis as fábica di cachaça mineira-roceira da Roçanorte di nossa Roças Gerais. Nóis qué cachaça tamém !

  12. Nóis é importanti pra Roça Horizonti. U governadô deu-se u trabai di vim até nóis. Nóis é importanti pra conomia di Roças Gerais. André Beagá é mió ocê sinformar das realidadi conômica. Nóis é a “noiva cobiçada” pras fábica: elas qué nossa corrutela Roçalândia.

  13. FS É O QUE? NOME? REALMENTE QUANDO O BRASIL COLOCO A ESTRELA NA PRESIDENCIA O BRASIL BRILHOR BEM MAIS, MUITOOOOOOOOMAIS. UDI VAI BEM PRQ O BRASIL VAI BEM. LULA O MELHOR DE TODOS OS TEMPO.

  14. Onde está a central de distribuição das lojas americanas e a empresa carol, que o sr prefeito Odelmo anunciou meses atraz?????
    Pergunta!
    Tera o mesmo fim esse novo anuncio?????

  15. Eita período eleitoral…até Santo desconfia de tanto agrado, promessa, intensão, etc e tal. Detalhe logo DROGA, digo logo CERVEJA. Viva UBERLÂNDIA A 2ª cidade do MG

  16. uBERLÂNDIA PODERIA TER MUITO MAIS EMPRESAS INVESTINDO AQUI SE O GOVERNO ESTADUAL FACILITASSE, NO ENTANTO A TRIBUAÇÃO POR AQUI É UMA DAS MAIS ALTAS DO BRASIL , NO MOMENTO ESTÃO DANDO UMA TREGUINHA COM O GOVERNADOR E TUDO SÓ POR CAUSA DO ANO ELEITORAL1 PURO INTERESSE POLITICO1

  17. Vc´s podem ter certeza que a turma dos CORENEIS vão começar a nunciar isso e aquilo agora!!! Muito estranho isso tudo logo em plena eleição…o povo de UberlÂndia não é bobo não….vejam o resultado dia 05 de outubro!!!

  18. Isso é revoltante!!! Uma empresa que consome tanta água assim que daria para abastecer uma cidade de 200 mil pessoas, e que gera apenas 200 empregos.. isso que é uma empresa Parasita! consome recursos visando apenas o lucro.

  19. Na minha opinião essa fábrica deveria mesmo era ter ido para BH, pois já é uma cidade cheia de favelas e poluição, então Bh seria o local ideal para mais uma fábrica poluidora…

  20. Ho coleguinhas de uberlandia -MG, vao trabalhando ai, secam seus rios, poluam sua atmosfera, contaminam sua terra e por final, mande seu imposto aqui para BH. Nao adianta chorar amigos, quem manda e a CAPITAL.

  21. Quando era presidente, vc já viu ele dirigir algum carro pra dizer que ele nunca dirigiu embriagado? Ele até hoje tem motorista particular, por isso nunca dirigiu inregular. Muito mal dirigiu Brasilia, que nunca sabia de nada o que acontecia debaixo do nariz dele.

  22. Nossa se tirar uma foto do Lula, vai sair vc pendurado no saco dele. Vai procurar um serviço, uma coisa útil pra vc fazer e para de ficar puxando saco. Vc tá rídiculo com esses seus blábláblá…

  23. Ah, vão se ferrar vocês de BH. Vocês falam como se tudo fosse dado, como se fosse um favor. Se tem investimentos aqui é porque conquistamos, a cidade corre atrás, lógico que tem também o olho do mercado, se bem que o tanto de imposto e dinheiro que rola aqui vocês nem falam né.

    Acho besteira esse negócio de BH x Triângulo, Uberlândia x Uberaba, só os idiotas levam isso a sério e irrita, porque fica semeando discórdia por nada. É que nem ter preconceitos por pessoas do Nordeste, ridículo, tanto aqui como lá tem pessoas preguiçosas ou idiotas, me irrita esses bairrismos toscos.

    Uberlândia não é desse tamanho à toa meu amigo. BH e região metropolitana é maior e tem mais dinheiro, verdade, mas tenta criar uma cidade grande no meio do mato, do cerrado, da “roça” como vocês dizem. Tirando capitais e cidades de região metropolitana, Uberlândia é 3ª mais populosa do Brasil, atrás apenas de Campinas e Ribeirão Preto, esta última aliás por menos de 200 habitantes, não venha desmerecer o fruto de pessoas que lutaram pelo progresso dessa cidade desde o começo do século XX.

    Toda cidade grande é fruto de migração e diferentes povos, que lutam e trabalham, quem merecer e não lamentar, consegue. Então mais união e progresso, pra todo o Triângulo, Minas e Brasil. Chega dessa chatice.

  24. KKKKK PARA OS TUCANOS QUE SÃO ESTUDADOS E O ANALFABETO DEU UM EXEMPLO COMO E ADMINISTRAR PARA TODOS. COMO O BRASIL ERA VISTO LÁ FORA? QUANTO IMPORTAMOS E EXPORTAMOS NA ERA FHC? ……………………………………………………………………………………………..LULA OMELHOR DE TODOS OS TEMPO.

  25. por ser uma empresa nova e esta dando oportunidades de trabalho para varias pessoas…..parabens e que tudo possa dar certo se deus quiser……

Deixe uma resposta


5 + três =

Ao enviar suas informações de registro, você indica que concorda com os Termos do serviço e leu e entendeu a Política de Privacidade do site do Correio de Uberlândia. Só serão liberados comentários cujos autores estejam identificados por nome e sobrenomes e que não contenham expressões chulas e/ou palavras de baixo calão.

Em função do período de campanha eleitoral e em atenção à legislação vigente, o CORREIO de Uberlândia se reserva o direito de não publicar comentários com viés político/eleitoral direta ou indiretamente direcionados aos partidos, agentes políticos, candidatos ou não, tanto na versão impressa quanto na internet.