Assine o CORREIO
menu
publicidade
publicidade

Cidade e Região

Csat começa a emitir carteira de trabalho na quarta-feira

Expectativa é que 50 senhas sejam distribuídas diariamente no Csat

A partir de quarta-feira (1), o Centro de Solidariedade e Apoio ao Trabalhador (Csat) começará a fazer a emissão das carteiras de trabalho. O prazo de espera pela carteira de trabalho em Uberlândia e outros 21 municípios da região é de, no mínimo, 15 dias. Até janeiro, o documento era emitido na hora. O motivo é que quatro funcionários do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) em Uberlândia são responsáveis pela emissão, por semana, de mais de mil carteiras da cidade e região.

Segundo o diretor administrativo do Csat Antônio Carlos Araújo, a expectativa é que 50 senhas sejam distribuídas diariamente. “Esperamos atender à necessidade dos trabalhadores. Muitos precisam do documento e têm dificuldades. A partir de julho, queremos aumentar para 80 senhas”, afirmou.

A Secretaria Municipal de Desenvolvimento Social e Trabalho informou, por meio de nota oficial, que está em fase de adequação às novas exigências do Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) e que, até o mês de julho, deve voltar a fazer o pedido de emissão do documento.

Com os novos postos em funcionamento, o número de senhas deve aumentar, mas, com isso, o prazo para a emissão das carteiras também pode sofrer alteração. “Como todos os pedidos chegam para fazermos a emissão, a estrutura de quatro funcionários é insuficiente. Caso não consigamos atender à demanda, vamos diminuir as senhas, se não resolver, o prazo de 15 dias pode ser ampliado”, disse Patrícia Silveira, chefe do setor de emissão de carteiras de trabalho do MTE em Uberlândia.

Serviço:

Centro de Solidariedade e Apoio ao Trabalhador (Csat)
Av. João Pinheiro, 860
Centro
8h às 17h
3221 5200

Comentários

3 respostas para “Csat começa a emitir carteira de trabalho na quarta-feira”

Deixe uma resposta


− 2 = três

Ao enviar suas informações de registro, você indica que concorda com os Termos do serviço e leu e entendeu a Política de Privacidade do site do Correio de Uberlândia. Só serão liberados comentários cujos autores estejam identificados por nome e sobrenomes e que não contenham expressões chulas e/ou palavras de baixo calão.

Em função do período de campanha eleitoral e em atenção à legislação vigente, o CORREIO de Uberlândia se reserva o direito de não publicar comentários com viés político/eleitoral direta ou indiretamente direcionados aos partidos, agentes políticos, candidatos ou não, tanto na versão impressa quanto na internet.