Assine o CORREIO
menu
publicidade
publicidade

Cidade e Região

Dois casos de estelionato são registrados em Uberlândia

Dois casos de estelionato foram registrados na noite desta quarta-feira (13) em Uberlândia. Em um dos casos, um casal tentou comprar dois celulares em uma loja do Center Shopping com documentos falsos.

Max Santiago Soares, 23, e Luciana Gomes, 36, foram descobertos pelos funcionários quando estes foram conferir os dados contidos em carteiras de identidade e CPFs apresentados para a compra.

A Polícia Militar (PM) foi acionada e constatou que os documentos usados eram de pessoas que haviam sido furtadas em cidades dos estados de Minas Geras (MG) e São Paulo (SP). O casal foi detido em flagrante pela tentativa de golpe. Além disto, Max Santiago também tinha um mandado de prisão, expedido pela Justiça uberlandense, por tráfico de drogas.

Na delegacia, os dois não deram muitas explicações sobre como forjaram os documentos. Somente disseram à reportagem que queriam os celulares para uso próprio. “Não trocaríamos por drogas não”, disse o homem. Eles também não souberam explicar sobre o mandado de prisão. A Polícia Civil (PC) agora investiga se eles conseguiram se eles já agiram anteriormente e, se sim, de que forma.

Financiamento

O outro caso de estelionato tem a ver com financiamento de carros. Um homem de 31 anos foi preso após uma revendedora da cidade de Uberaba acionar a Polícia Militar (PM) e alertar sobre um golpista uberlandense que usava documentos falsos, conseguindo liberação de crédito por financiadoras, para retirar carros.

Com o mesmo nome usado em golpes anteriores, ele tentou, em uma revendedora da avenida João Pinheiro, centro de Uberlândia, retirar outro carro ilegalmente. Mas, desta vez, a polícia o esperava e, com ele, encontrou vários documentos falsos. Ele alegou que pegava os veículos e repassava para outros revendedores. O modo de atuação, bem como dos receptadores, será investigado pela polícia.

Comentários

Uma resposta para “Dois casos de estelionato são registrados em Uberlândia”

  1. colega:
    será possivel me enviar com a maxima urgencia o telefone da Delegacia, onde o caso ocorreu a Vitima é da Cidade de São Manuel , interior de São Paulo, 240 Km da Capital.
    TEL: para contato (014) 9163.4245.
    Obrigado.

Deixe uma resposta


seis + 2 =

Ao enviar suas informações de registro, você indica que concorda com os Termos do serviço e leu e entendeu a Política de Privacidade do site do Correio de Uberlândia. Só serão liberados comentários cujos autores estejam identificados por nome e sobrenomes e que não contenham expressões chulas e/ou palavras de baixo calão.

Em função do período de campanha eleitoral e em atenção à legislação vigente, o CORREIO de Uberlândia se reserva o direito de não publicar comentários com viés político/eleitoral direta ou indiretamente direcionados aos partidos, agentes políticos, candidatos ou não, tanto na versão impressa quanto na internet.