menu
publicidade
publicidade

Cidade e Região

Empresário de Uberlândia é empossado secretário de Desenvolvimento Econômico

Com a posse de Nery, Uberlândia volta a ter um representante no primeiro escalão do governo mineiro após dez anos (Foto: Wellington Pedro/Imprensa MG)

O empresário uberlandense Rogério Nery tomou posse, nesta segunda-feira (28), como secretário de Estado de Desenvolvimento Econômico de Minas Gerais (SEDE). Empossado pelo governador Alberto Pinto Coelho (PP) no Palácio Tiradentes na Cidade Administrativa Presidente Tancredo Neves, a solenidade contou com a presença de autoridades políticas, como o prefeito de Uberlândia, Gilmar Machado (PT), e empresários. Segundo o governador mineiro, Rogério Nery chega ao secretariado para dar continuidade à política de atração de investimentos e agregação de valor à base produtiva mineira.

Com a posse de Nery, Uberlândia volta a ter um representante no primeiro escalão do governo mineiro após dez anos. A última pessoa que esteve em um posto de comando estadual foi o ex-prefeito Odelmo Leão (PP). Entre 2003 e abril de 2004, a convite do então governador Aécio Neves (PSDB), Odelmo Leão assumiu a chefia da Secretaria de Estado de Agricultura, Pecuária e Abastecimento.

Rogério Nery é formado em Ciências Econômicas pela Universidade Federal de Uberlândia e pós-graduado em Marketing pela Fundação Getúlio Vargas (FGV). Ocupava a função de CEO no Grupo de Comunicação Integração. Foi presidente da Associação Comercial e Industrial de Uberlândia (Aciub) e um dos vice-presidentes da Federação das Associações Comerciais e Empresariais do Estado de Minas Gerais (Federaminas).

Comentários

8 Responses to “Empresário de Uberlândia é empossado secretário de Desenvolvimento Econômico”

  1. Agora a rede integração de tv( tv integração) só vai falar bem do nosso prefeito nos seus programas locais. Cargo escolhido a dedo hein PT .

  2. Uma nomeação com objetivos eleitoreiros. Porque razão um profissional qualificado deixaria a iniciativa privada com um salário invejável, para ser secretário de um estado falido e que paga um salário bem abaixo do que ele recebia na rede integração?

  3. É a Globo tentanto arrancar votos dos eleitorados do triangulo mineiro já que o psdb não tem eleitorado aqui. É pura politicagem a troca de direito de transmissão.Eu vi isso em 1989 com o Collor aonde sua familia é dona de uma repetidora local.Graças a Deus o Triangulino não vota no PSDB.

Deixe uma resposta

Ao enviar suas informações de registro, você indica que concorda com os Termos do serviço e leu e entendeu a Política de Privacidade do site do Correio de Uberlândia. Só serão liberados comentários cujos autores estejam identificados por nome e sobrenomes e que não contenham expressões chulas e/ou palavras de baixo calão.

Em função do período de campanha eleitoral e em atenção à legislação vigente, o CORREIO de Uberlândia se reserva o direito de não publicar comentários com viés político/eleitoral direta ou indiretamente direcionados aos partidos, agentes políticos, candidatos ou não, tanto na versão impressa quanto na internet.