Assine o CORREIO
menu
publicidade
publicidade

Cidade e Região

Homem é encontrado morto no Canaã

A vítima tinha oito passagens pela polícia por uso de drogas, tráfico e furto

O desempregado Reinaldo da Silva Bem, 21 anos, foi encontrado morto no bairro Canaã, zona oeste de Uberlândia, na manhã desta quarta-feira (15). Segundo a Polícia Militar (PM), a vítima foi degolada e o corpo estava no cruzamento da alameda Corretor de Imóveis com a rua Divisa Alegre. Cinco pessoas suspeitas de envolvimento no homicídio foram detidas.

A faca que teria sido usada no crime, de acordo com a PM, foi encontrada em um matagal próximo ao corpo. Logo depois, os policiais abordaram cinco pessoas, entre elas dois menores, que estavam em um carro parado no cruzamento da rua Dos Periquitos com a rua Dos Tucanos, no bairro Jardim das Palmeiras. Ao fazer a revista no veículo, os policiais encontraram um chinelo e um boné, que foram reconhecidos por um primo de Reinaldo, bem como objetos pessoais da vítima. A perícia da Polícia Civil também confirmou que o calçado fazia par com o que estava no pé da vítima. “O mesmo barro que estava no local do crime, estava no carro”, disse o soldado Marcos Roberto dos Santos.

O principal suspeito de ter degolado Reinaldo Bem, Washington Maximiano Alves, 24 anos, negou ter participado do crime. “O carro é de um amigo. Só fui dar carona para a minha amiga e acabou a gasolina no meio do caminho. Nem conheço esse rapaz”, disse.

Todos os envolvidos, segundo Santos, têm registros na Polícia Militar. A vítima tinha oito passagens pela polícia por uso de drogas, tráfico e furto.

Comentários

24 respostas para “Homem é encontrado morto no Canaã”

  1. Nesse local tem um buteco e um lanchinho. No buteco tem muito mala. Só espero que eles não vão para o bar do vasco. lá é limpeza. Apesar de já esta começando a chegar uns mala por lá. fica esperto vasco

  2. Credo nem acabei de ler a reportagem do jornal correio da parte da manhã e ja tem outro homicidio registrado…
    Deus nós acuda..e pensar que o fim do ano ta longe…
    serão mais quantos?

  3. o LOCAL É CONHECIDO PONTO DE COMÉRCIO DE DROGAS! PASMEM! E CONTINUARÁ SENDO. O INCRÍVEL É QUE AS AUTORIDADES SABEM E PARECEM NÃO FAZER NADA PARA ACABAR COM ELE.ISSO SE CHAMA CONIVÊNCIA OU OMISSÃO.

  4. “O mesmo (barro) que estava no local do crime, estava no carro”,

    Mais um erro de português no nosso querido jornal, Vamos prestar atenção editores….

    E o crime em Uberlandia cada dia aumenta mais….

  5. NOSSA -UBERLANDIA- IRA VIRAR UM INFERNO, SO ESTA MORRENO GENTE DE BEM, VEJA ESSE VAI FAZER MUITA FALTA, viu ele gente honesta, carismatica, gente de bem!!!! uberlandia ESTA triste com a perda dessa pessoa.. A vítima (SO) tinha oito passagens pela polícia..

  6. Naldi nao sei pra onde vc foi mas sei que o qui fiseram com vc foi covardia. Mas fique em paz por que um dia quem fez isso com vc vai paga. Que deus ti ilumina nessa nova jornada sua e fica com ‘DEUS’.

  7. infelizmente,mas um de minha família,morreu e ás pessoas só querem julgar ele foi errado sim ,mas era um ser humano sujeito a fraquezas á erros.cresceu sozinho sem pai ,sem mâe,sem ninguém será que ouve alguém que falou do amor de CRISTO para ele,que o ajudou quando estava faminto ou triste, deprimido falar é facíl ,e você que nâo tem erros!!! atire a primeira pedra…

  8. É Olívia realmente é uma pena, mas não venha descontar sua raiva em cima das pessoas, e outra pq então vc não falou do “amor de cristo” pra ele? é tão mais fácil agredir verbalmente alguém que vc não conhece né ?!!

Deixe uma resposta


+ oito = 15

Ao enviar suas informações de registro, você indica que concorda com os Termos do serviço e leu e entendeu a Política de Privacidade do site do Correio de Uberlândia. Só serão liberados comentários cujos autores estejam identificados por nome e sobrenomes e que não contenham expressões chulas e/ou palavras de baixo calão.

Em função do período de campanha eleitoral e em atenção à legislação vigente, o CORREIO de Uberlândia se reserva o direito de não publicar comentários com viés político/eleitoral direta ou indiretamente direcionados aos partidos, agentes políticos, candidatos ou não, tanto na versão impressa quanto na internet.