Assine o CORREIO
menu
publicidade
publicidade

Cidade e Região

Homem morre atropelado no bairro Maravilha

O pedreiro Antônio Araújo Vasconcelos, 44 anos, morreu ontem (27) à noite após ser atropelado por um mototaxista quando atravessava a rua Paulo de Tarso, bairro Maravilha, zona norte de Uberlândia. O motociclista fugiu do local do acidente, porém se apresentou à polícia depois e deverá responder por homicídio culposo, quando não há intenção, em liberdade.

Segundo a polícia, o mototaxista, que tem 25 anos, saiu do local porque temia ser agredido pela população que se aglomerou para ver o acidente. Ele mesmo teria ligado para a Polícia Militar (PM) avisando do ocorrido após correr algumas quadras dali no intuito de se proteger.

Em depoimento na delegacia, sobre as circunstâncias do acidente, ele disse que, ao tentar ultrapassar um carro pela esquerda, não viu o pedreiro e não conseguiu desviar dele. Bombeiros chegaram a ir ao local na tentativa de socorrê-lo, mas a vítima, com perda de massa encefálica, já estava sem vida.

Segundo uma testemunha, que não quis ser identificada e que estava em uma igreja próxima, o motociclista dirigia em alta velocidade e, por isso, houve o impacto violento. “Contudo, a vítima também não estava na faixa de pedestre”, disse.

Ainda de acordo com a testemunha, acidentes na rua Paulo de Tarso, principal via do bairro, são constantes. “Falta sinalização por aqui. Já era prevista uma tragédia como esta infelizmente”, afirmou.

A moto do rapaz foi apreendida pela polícia, pois ele não apresentou documentação do veículo. Antônio Araújo deixou esposa e dois filhos. A reportagem do CORREIO não conseguiu localizá-los.

Abaixo-assinado

Há dois meses, no intuito de reduzir o número de acidentes na rua Paulo de Tarso, moradores do bairro Maravilha assinaram um abaixo-assinado solicitando à Secretaria de Trânsito e Transporte (Settran) a instalação de quebra-molas, redutores eletrônicos e de uma travessia elevada na via.

Segundo o presidente da associação do bairro, Vanderson Estevão, mais de mil assinaturas foram recolhidas na época. “O documento foi encaminhado à Prefeitura, mas até o momento nada foi feito”, disse. Segundo ele, após o acidente, a secretaria foi procurada novamente.
Em nota enviada pela assessoria, a Settran informou que uma equipe técnica irá ao local para verificar o tráfego e a sinalização para, depois, adotar as medidas cabíveis.

Acidentes

Na manhã desta quinta-feira (28), um motociclista de 55 anos foi atropelado por um ônibus do transporte urbano após avançar o sinal de pare do cruzamente da rua República Piratini com avenida Brasil, bairro Umuarama, zona leste de Uberlândia.

De acordo com o Corpo de Bombeiros, que o socorreu, o homem teve fraturas expostas, mas não corre risco de morte. Somente nos três primeiros meses deste ano, mais de 700 acidentes envolvendo motos foram registrados. Em 2010, foram 3015 ocorrências.

Comentários

6 respostas para “Homem morre atropelado no bairro Maravilha”

  1. Essa testemunha que não quis se identificar está dizendo a verdade, eu moro no local há dois anos e já presenciei vários acidentes envolvendo carros, motos e pedestres na Rua Paulo de Tarso com José Rosa Neto, sem falar que os ônibus também trafegam com muita velocidade …
    Travessias Elevadas ( Quebra – Molas ) ajudariam …

  2. olha pessoal infelizmente mais uma morte no transito,o que acontece e que aqui em uberlandia o transito ja nao e o mesmo de 10 anos atraz…o que falta e as autoridades competentes fazer alguma coisa pois senao muitas vidas serao perdidas nesse transito loco que esta ai….nao ha respeito pela vida do condutor ou do pedestre….meus sentimentos a familia…

  3. é, realmente é dificil acreditar em uma testemunha que não se identifica, mas vai vc lá e diz que o mototaxista tinha acabado de passar em alta velocidade no sentido contrário do acidente com uma passageira e com o farol da moto apagado, e em seguida desceu a mesma rua em alta velocidade com o farol apagado e diz que não viu a vítima, como que vê?? o que se viu foi o que restou do corpo de um pai de familia trabalhador……

  4. Realmente essa rua ta muito perigoso,eu mesmo ja quaze bati de moto nesse mesmo local do acidente.os condutores nao estao tendo educaçao nesse trecho da rua Paulo de Tarço.que as autoridades arrumam um jeito URGENTE de sinalizar melhor esse trecho da rua,se não infelizmente muitas outras vidas iram embora.Meus sentimentos a familia!

Deixe uma resposta


− um = 6

Ao enviar suas informações de registro, você indica que concorda com os Termos do serviço e leu e entendeu a Política de Privacidade do site do Correio de Uberlândia. Só serão liberados comentários cujos autores estejam identificados por nome e sobrenomes e que não contenham expressões chulas e/ou palavras de baixo calão.

Em função do período de campanha eleitoral e em atenção à legislação vigente, o CORREIO de Uberlândia se reserva o direito de não publicar comentários com viés político/eleitoral direta ou indiretamente direcionados aos partidos, agentes políticos, candidatos ou não, tanto na versão impressa quanto na internet.