Assine o CORREIO
menu
publicidade
publicidade

Cidade e Região

Hospital Municipal inicia Programa de Residência Fundasus em Uberlândia

O Hospital Municipal de Uberlândia iniciou, nesta semana, seu programa de residência com a incorporação de dois médicos residentes que fazem parte do Programa de Residência Médica da Fundação Saúde do Município de Uberlândia (Fundasus). Gustavo Rodrigues da Cunha, de 25 anos, se formou em Araguari, em 2013, e fará residência em obstetrícia e ginecologia no Hospital Municipal e também na Unidade de Atendimento Integrado (UAI) do bairro Martins, no setor central da cidade. Danilo Henrique Araújo Costa, de 27 anos, ocupará uma das vagas de cirurgia geral e se formou em 2011, na cidade de Uberaba, e, por enquanto, atenderá somente no Hospital Municipal.

Hospital Municipal inicia Programa de Residência Fundasus em Uberlândia

Gustavo Cunha e Danilo Costa iniciaram a residência nesta semana (Foto: Cleiton Borges)

Inicialmente, havia oito vagas, sendo quatro para obstetrícia e ginecologia, três para cirurgia geral e uma para neonatologia. Para esta última, não houve candidatos e a vaga será aberta novamente no ano que vem. As outras vagas podem ser preenchidas até dia 11 de abril.

Posteriormente, os residentes também atenderão nas outras UAIs, nas Unidades Básicas de Saúde (UBSs) e nos postos de saúde. Para Costa, essa nova etapa servirá para entender melhor as complexidades da profissão. “Vamos adquirir um conhecimento melhor com profissionais da área que a gente escolheu, um ótimo aprendizado”, disse.

De acordo com Juliana Markus, coordenadora de educação e formação permanente na saúde da Secretaria Municipal de Saúde, o fato de o Hospital Municipal não ser um hospital escola não atrapalhará na formação teórica dos residentes. “Na residência, de 85 % a 90% é prática e os médicos que trabalharão com esses novos profissionais são capacitados para passar essa teoria que é cobrada”, afirmou Juliana Markus.

Comentários

Deixe uma resposta


2 + nove =

Ao enviar suas informações de registro, você indica que concorda com os Termos do serviço e leu e entendeu a Política de Privacidade do site do Correio de Uberlândia. Só serão liberados comentários cujos autores estejam identificados por nome e sobrenomes e que não contenham expressões chulas e/ou palavras de baixo calão.

Em função do período de campanha eleitoral e em atenção à legislação vigente, o CORREIO de Uberlândia se reserva o direito de não publicar comentários com viés político/eleitoral direta ou indiretamente direcionados aos partidos, agentes políticos, candidatos ou não, tanto na versão impressa quanto na internet.