menu
publicidade
publicidade

Cidade e Região

Imóveis da região Leste valorizam até 250%

Arianan Rego afirmou que fatores urbanísticos como a construção de novas vias alavancaram os preços na zona leste

O anúncio de empreendimentos como o terceiro shopping de Uberlândia, que será construído próximo ao aeroporto, e de loteamentos residenciais e empresariais valoriza algumas áreas da zona leste da cidade em até 250% em três anos. No bairro Bosque dos Buritis, em 2008, um terreno de 250 m² era avaliado em cerca de R$ 17 mil. Hoje, segundo o coordenador de vendas de uma imobiliária de Uberlândia, Márcio Gomes, o valor subiu para R$ 60 mil.

Ainda de acordo com ele, a valorização também tem o mesmo índice, de cerca de 250% em três anos, em outro bairro desta região, o Jardim Ipanema, que fica atrás do aeroporto.

De acordo com o vice-presidente do Sindicato de Habitação de Uberlândia (Secovi), Arianan Maracaipe Rego, somente neste ano, os imóveis da zona leste da cidade tiveram valorização de 30%, em média, além do crescimento registrado também pelo mercado. “A região está em processo de valorização constante, situação que antes ocorria somente na zona sul da cidade”, afirmou.

Fatores urbanísticos como a construção de novas vias de circulação de trânsito rápido e um complexo de lazer com o Parque do Sabiá, os estádios João Havelange e o Sabiazinho, impulsionaram o aumento dos preços na zona leste, segundo Arianan Rego. “Empreendedores e incorporadoras se anteciparam à especulação imobiliária e iniciaram o loteamento e a comercialização das áreas”, disse.

De acordo com o secretário municipal de Desenvolvimento Econômico e Turismo, Paulo Sérgio Ferreira, a aplicação de recursos municipais e federais na região também contribui para a valorização. “Anúncios como a construção do Distrito Industrial Leste, a ampliação do aeroporto, que deve receber um investimento de R$ 177,15 milhões até 2016, além do Centro Empresarial Leste, que está sendo desenvolvido pela Prefeitura de Uberlândia, alavancam o investimento de terceiros na área”, afirmou o secretário.

Urbanizadora prepara lançamento de três empreendimentos para 2012

Os empreendimentos da urbanizadora

Proprietária de 3.097.545,52 m² das áreas da zona leste de Uberlândia, a urbanizadora Alto Umuarama prepara para o segundo semestre de 2012 o lançamento de três empreendimentos, que devem somar 30 mil pessoas à população da região. “Atenta à demanda dos consumidores, a urbanizadora contará nessa região com um projeto baseado no conceito walking distance, que permite ao morador resolver tarefas diárias sem a necessidade de utilizar carro. A ideia é oferecer centro comercial e opções de lazer aos edifícios residenciais”, disse o diretor da urbanizadora, Hélio Di Paolo.

Os loteamentos da empresa, segundo Di Paolo, serão disponibilizados em três setores. “O primeiro, compreende construções horizontais e verticais. O segundo, localizado em frente à BR-050, será um condomínio para empresas do setor de logística. E será lançado também um condomínio vertical, com terrenos maiores”, afirmou o diretor da urbanizadora, que ainda disse que os empreendimentos vão contemplar as classes sociais A, B e C.

Construtora vai investir R$ 81 mi

om canteiro de obras já estruturado na zona leste da cidade, a construtora ElGlobal vai investir R$ 81 milhões em três edificações que serão construídas em 2012, ano para o qual também está previsto o lançamento dos empreendimentos. “Serão duas torres, com 125 apartamentos, e um segundo empreendimento, com uma torre de 60 unidades habitacionais. Também será construído um centro comercial, que vai compreender uma torre com 23 pavimentos e 147 salas comerciais”, disse o sócio da construtora, Rogério Ferreira Funaro.

Além de ter como atrativo o anúncio de grandes empreendimentos, a mobilidade é outro fator que estimula o investimento na zona leste, de acordo com Funaro. “O consumidor tem buscado acesso fácil e o maior número de serviços próximo do local de seu trabalho e de sua casa. O anúncio do complexo que envolve um shopping, hipermercado, academia, hotel e universidade é um grande atrativo para esta região”, afirmou o empresário.

Comentários

6 Responses to “Imóveis da região Leste valorizam até 250%”

  1. ótima reportagem, é o tipo de noticia que deve ser dada constantemente, porque já quem mora em uberlandia desde pequeno e até l980 conhecia ela toda, hoje não podemos assim dizer, e realmente uberlãndia é digna de elogia onde aplica-se muito e seu desenvolvimento é a jato, no momento em que sumir essa especulação imobiliaria entre a BR365 (patrocinio) e a BR 365 (uberaba) e os loteamento após jardim aurora I e II atravessaremos o Rio Uberabinha rápido. parabens. juarez machado carrijo

  2. Espero que com estes novos empreendimentos , chegue ao bairro Mansões Aeroporto a rede de esgoto, pois nós moradores ja não aguentamos mais usar fossas negras, afinal saneamento basico e direito constitucional da população e do meio ambiente.

  3. que atraves destes empreendimentos o meio ambiente seja respeitado, e a rede de esgoto chegue para o bairro Mansões Aeroporto, pois é muito dificil conviver com as fossas negras que poluem os lençoes freiaticos .

Deixe uma resposta

Ao enviar suas informações de registro, você indica que concorda com os Termos do serviço e leu e entendeu a Política de Privacidade do site do Correio de Uberlândia. Só serão liberados comentários cujos autores estejam identificados por nome e sobrenomes e que não contenham expressões chulas e/ou palavras de baixo calão.

Em função do período de campanha eleitoral e em atenção à legislação vigente, o CORREIO de Uberlândia se reserva o direito de não publicar comentários com viés político/eleitoral direta ou indiretamente direcionados aos partidos, agentes políticos, candidatos ou não, tanto na versão impressa quanto na internet.