menu
publicidade
publicidade

Cidade e Região

Terminal vai movimentar 6 milhões de toneladas de grãos no Triângulo

Com capacidade para movimentar 6,3 milhões de toneladas de grãos (soja e milho) e 2,4 milhões de toneladas de açúcar por ano, a Valor da Logística Integrada (VLI), empresa que integra terminais, ferrovias e portos, inaugurou, nesta quarta-feira (29), o Terminal Integrado Uberaba.

Ele faz parte do Corredor Centro-Sudoeste, integrado à ferrovia Centro-Atlântica, que começa no estado de Goiás, passa pelo Triângulo Mineiro e termina no Porto de Santos (SP).

Terminal vai movimentar 6 milhões de toneladas de grãos no Triângulo

Estrutura tem capacidade para armazenar 120 mil toneladas de grãos e 90 mil toneladas de açúcar (Foto: Cleiton Borges)

Com 127 mil m² de área pavimentada e 23 mil m² de área construída e capacidade para armazenar 120 mil toneladas de grãos e 90 mil toneladas de açúcar, o terminal fica no km 116 da BR-050, entre Uberlândia e Uberaba.

O investimento do empreendimento foi de R$ 230 milhões e oferecerá 300 novos postos de emprego. Ainda em fase de obras, a parte voltada para a movimentação de açúcar deverá começar a funcionar a partir de agosto deste ano.

O local terá capacidade para descarregar cerca de 800 caminhões de grãos e 400 de açúcar diariamente. Os sistemas integrados permitirão o carregamento de trens com até 80 vagões. Diariamente, serão carregadas cinco composições com grãos e duas com açúcar.

Terminal oferecerá 300 novos postos de emprego (Foto: Cleiton Borges)

Terminal oferecerá 300 novos postos de emprego (Foto: Cleiton Borges)

De acordo com o diretor presidente da VLI, Marcello Spinelli, o empreendimento é importante por estar em uma das principais rotas de escoamento das exportações do agronegócio do País. “É um projeto grande, que trará grandes melhorias para a infraestrutura logística da região e do Brasil”, disse Spinelli.

O diretor presidente da Algar Agro, Murilo Braz Sant’Anna, esteve na inauguração e afirmou que o terminal dará agilidade no transporte de cargas. “Isso mostra o desenvolvimento do País. Além disso, conta com uma grande estrutura de armazenagem”, disse Sant’Anna.

De acordo com o diretor presidente da VLI, Marcello Spinelli, o empreendimento é importante por estar em uma das principais rodas de escoamento das exportações do agronegócio do País (Foto: Cleiton Borges)

De acordo com o diretor presidente da VLI, Marcello Spinelli, o empreendimento é importante por estar em uma das principais rodas de escoamento das exportações do agronegócio do País (Foto: Cleiton Borges)

Terminal Araguari

Inaugurado em agosto de 2012, O Terminal Integrado de Araguari faz parte do Corredor Centro-Leste da VLI. A estrutura é responsável pela captação de cargas de soja, farelo, milho e fertilizantes. Além disso, dá suporte ao escoamento do agronegócio pelo Complexo de Tubarão, no Espírito Santo. O terminal conta com um armazém de grãos com capacidade de 120 mil toneladas, um silo de grãos com capacidade estática de 6 mil toneladas e um armazém de fertilizantes com capacidade estática de 44 mil toneladas.

Terminal Integrado Uberaba

Movimentação anual

– 6,3 milhões de toneladas de grãos (soja e milho)
– 2,4 milhões de toneladas de açúcar

Capacidade de armazenamento

– 120 mil toneladas de grãos
– 90 mil toneladas de açúcar

Investimento

– R$ 230 milhões

Comentários

One Response to “Terminal vai movimentar 6 milhões de toneladas de grãos no Triângulo”

Deixe uma resposta

Ao enviar suas informações de registro, você indica que concorda com os Termos do serviço e leu e entendeu a Política de Privacidade do site do Correio de Uberlândia. Só serão liberados comentários cujos autores estejam identificados por nome e sobrenomes e que não contenham expressões chulas e/ou palavras de baixo calão.

Em função do período de campanha eleitoral e em atenção à legislação vigente, o CORREIO de Uberlândia se reserva o direito de não publicar comentários com viés político/eleitoral direta ou indiretamente direcionados aos partidos, agentes políticos, candidatos ou não, tanto na versão impressa quanto na internet.