Assine o CORREIO
menu
publicidade
publicidade

Cidade e Região

Vítima de homicídio no anel viário Ayrton Senna é identificada

Foi identificada como Vanessa Paula Brasil Pereira, 28 anos, a vítima do homicídio registrado na última terça-feira (24) em uma estrada vicinal próxima ao anel viário Ayrton Senna, zona oeste de Uberlândia.

Os documentos dela foram encontrados pela PM e ficou constatado que ela era da cidade de Eunápolis, na Bahia, e tinha uma passagem por uso de drogas no município de Pouso Alegre, em Minas Gerais.

A mulher estava vestida com blusa roxa, calça azul e sem sapatos. A Polícia Militar acredita que a vítima tenha sido morta a pauladas, mas ainda não sabe o que pode ter motivado o homicídio. Em cima do corpo da vítima a PM encontrou um pedaço de pau e, próximo ao local do crime, uma faca. Ela também estava com fios enrolados no pescoço e apresentava esmagamento de crânio.

A perícia da Polícia Civil esteve no local e o corpo foi removido pela funerária ao Instituto Médico Legal (IML), de onde não foi retirado até o fechamento desta edição. O corpo foi encontrado por uma equipe de profissionais que trabalhava no recapeamento do Anel Viário e acionou os militares.

Comentários

Uma resposta para “Vítima de homicídio no anel viário Ayrton Senna é identificada”

  1. TRAFICO DE DROGAS GENTE A SECRETARIA DE DROGAS ESTA COIBINDO ISTO CERTO HOMICIDIOS JA DIMINIURAM 39 % PESQUISA GRUPO VERITA COM LUIZ HUMBERTO SERA MANTIDA SECRETARIA ANTI DROGAS CONSTRUÇÃO DE CLINICAS DE TRATAMENTO MAIS REPRESSAO ANTI DROGAS CRIAÇAO SECRETARIA DEFICIENTE FISICO SECRETARIA AFRO SOCIAL CRIAÇÃO DE MAIS 3 SECRETARIAS MEU VOTO E LUIZ HUMBERTO COMPETENCIA SERIEDADE EXPERIENCIA SABE O QUE FAZ E ODELMO IRA APOIAR ELE COM ANASTASIA E AECIO NEVES NAO TEM VEZ PARA O PMDB E NEM PT NAO ADIANTA VIREM A UBERLANDIA DILMA E NEM LULA PESQUISA VERITA CONFIRMA LUIZ HUMBERTO 75% RESTANTE GILMAR E RESTANTE OUTROS LUIZ RECEBE APOIO DE JOAO BITTAR E LIZA PRADO

Deixe uma resposta


9 − = sete

Ao enviar suas informações de registro, você indica que concorda com os Termos do serviço e leu e entendeu a Política de Privacidade do site do Correio de Uberlândia. Só serão liberados comentários cujos autores estejam identificados por nome e sobrenomes e que não contenham expressões chulas e/ou palavras de baixo calão.

Em função do período de campanha eleitoral e em atenção à legislação vigente, o CORREIO de Uberlândia se reserva o direito de não publicar comentários com viés político/eleitoral direta ou indiretamente direcionados aos partidos, agentes políticos, candidatos ou não, tanto na versão impressa quanto na internet.