Assine o CORREIO
menu
publicidade
publicidade

Veículos

IPI pode ter mudanças para exportadoras fora do Mercosul e México

As importadoras tanto reclamaram que, aparentemente, vão conseguir uma mudança na maneira como o novo IPI é cobrado para os carros vindos de fora do Mercosul e México. Em entrevista à agência Bloomberg, o presidente de Agência Brasileira de Desenvolvimento Industrial, Mauro Borges Lemos, confirmou que as marcas que já confirmaram planos de investimentos no Brasil poderão escapar do aumento de 30 pontos percentuais no imposto.

Assim, BMW, JAC Motors e Chery seriam beneficiadas com a nova medida e poderiam comercializar seus carros com os mesmos valores de antes. O Governo brasileiro também estuda flexibilizar o aumento do IPI de acordo com a eficiência energética de cada carro: quanto menor o consumo de combustível, menor o imposto cobrado.

Comentários

Deixe uma resposta


1 + cinco =

Ao enviar suas informações de registro, você indica que concorda com os Termos do serviço e leu e entendeu a Política de Privacidade do site do Correio de Uberlândia. Só serão liberados comentários cujos autores estejam identificados por nome e sobrenomes e que não contenham expressões chulas e/ou palavras de baixo calão.

Em função do período de campanha eleitoral e em atenção à legislação vigente, o CORREIO de Uberlândia se reserva o direito de não publicar comentários com viés político/eleitoral direta ou indiretamente direcionados aos partidos, agentes políticos, candidatos ou não, tanto na versão impressa quanto na internet.